Categoria: Colunas, Mais Destaques, Saúde

Estudo britânico revela quais os sintomas mais comuns da variante ômicron em vacinados contra covid-19; saiba mais

Pesquisa concluiu também que a variante costuma ter infecção mais breve e causar sintomas mais leves, mas ainda pode ser perigosa para pessoas vulneráveis

Redação SPRIO+ • Publicado em 27/06/2022, às 13:55 • Atualizado em 27/06/22, às 13:55




Foto: Fusion Medical Animation

Um dos maiores estudos sobre a variante ômicron do novo coronavírus, feito por meio do aplicativo ZOE COVID Study, em parceria com o King’s College London, da Inglaterra, levantou os sintomas mais comuns entre infectados com a variante e constatou que a maioria deles são mais leves do que os causados pela variante delta.

A pesquisa analisou os sintomas de 62 mil participantes vacinados no Reino Unido, que testaram positivo para a covid-19 entre junho e novembro do ano passado, quando a delta predominava. Também foram analisados os sintomas de casos positivos entre dezembro de 2021 e janeiro de 2022, quando a ômicron já era a variante dominante.

Sintomas da ômicron em vacinados com duas doses ou mais

Segundo a plataforma, a maioria das pessoas com o esquema vacinal completo contra a covid-19 (ao menos duas doses) infectadas pela ômicron apresentaram:

– Coriza

– Dor de cabeça

– Espirro

– Dor de garganta

– Tosse persistente

Sintomas da ômicron em vacinados com apenas uma dose da vacina

Nos vacinados com apenas uma dose da vacina, os sintomas mais comuns foram:

– Dor de cabeça

– Coriza

– Dor de garganta

– Espirro

– Tosse persistente

Sintomas da ômicron em não vacinados

Já nos não vacinados, a maior parte dos infectados apresentou:

– Dor de cabeça

– Dor de garganta

– Coriza

– Febre

-Tosse persistente

O estudo ainda citou que confusão mental, perda de olfato e sintomas respiratórios graves que causam hospitalização foram os sintomas menos comuns entre as pessoas imunizadas com pelo menos duas doses.

Duração e gravidade da ômicron

Foi constatado na pesquisa britânica que os sintomas da ômicron duram menos em pessoas vacinadas do que em não vacinadas. De acordo com o levantamento, a duração dos sintomas causados pela variante foi de 6,87 dias, em média, contra 8,89 dias da delta.

“Esta é mais uma evidência para sugerir que as vacinas, apesar de terem sido desenvolvidas antes da ômicron, ainda ajudam a prevenir sintomas duradouros nos infectados”, destaca o comunicado da ZOE COVID STUDY, que também afirma que, com uma duração mais curta dos sintomas na população vacinada, o período de incubação e de infecção por ômicron podem ser mais curtos.

“Embora sejam necessárias mais pesquisas, a ômicron é provavelmente menos grave do que a delta – tanto em termos de gravidade dos sintomas quanto no número de hospitalizações – porque a delta é melhor em infectar células pulmonares do que a ômicron, que entra em outras células da mucosa”, conclui o estudo.

Ômicron nem sempre é leve

Embora os sintomas da ômicron sejam menos graves do que os da delta ou outras variantes anteriores do coronavírus, os pesquisadores destacam que ainda existem riscos ao contrair covid-19, como por exemplo a chamada covid longa, especialmente na população mais vulnerável – não vacinados, crianças, pessoas com comorbidades e imunossuprimidos.

A covid longa, segundo o Ministério da Saúde, são as manifestações clínicas novas, recorrentes ou persistentes nos pacientes após o período de infecção aguda pelo coronavírus. A condição inclusive foi reconhecida oficialmente como doença pela Organização Mundial da Saúde (OMS), em outubro de 2021.

De acordo com a entidade, a chamada covid longa pode aparecer três meses após o início da infecção, com sintomas que duram pelo menos dois meses e que não podem ser explicados por um diagnóstico alternativo.

 



Acompanhe nossas notícias de forma mais rápida em seu celular pelo Google News. Clique aqui e siga a SP Rio +.


Deixe seu comentário:
Os comentários não representam a opinião da SP Rio +. A responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas noticias
Cidades

Fortes ventos causam queda de árvore em Campos do Jordão

Os fortes ventos, que atingem as cidades da Região Metropolitana do Vale do Paraíba nesta quarta-feira (10), causaram a queda …

3 horas atrás
Cidades, Mais Destaques

Obra dos Contornos da Tamoios está 80% finalizada, diz secretário de transporte

O secretário de transporte de São Paulo, João Octaviano Neto, informou que a obra dos Contornos da Tamoios está bem …

5 horas atrás
Cidades

Aberta as inscrições da corrida de rua do distrito de Eugênio de Melo

A Prefeitura de São José dos Campos abriu, nesta quarta-feira (10), as inscrições para a corrida de rua do distrito …

5 horas atrás
Esporte, Linha de Frente

Camisa do EC Taubaté: conheça as 10 mais bonitas

A Camisa do EC Taubaté é a mais tradicional do Vale do Paraíba devido a sua faixa transversal azul ou …

7 horas atrás
Cidades

Porto de São Sebastião está com as operações suspensas

O Porto de São Sebastião está com as operações suspensas devido a um pedido do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio …

9 horas atrás
Economia

Embraer fecha parceria com VOAR para atendimentos no aeroporto de Congonhas

A Embraer anunciou, na manhã desta quarta-feira (10), que fechou uma parceria com a VOAR Aviation para oferecer atendimentos não-programados …

10 horas atrás
Esporte

EC Taubaté e São José EC estreiam hoje no Campeonato Paulista Feminino 2022

Novo início! AD Taubaté e São José EC realizam, nesta quarta-feira (10), as suas estreias no Campeonato Paulista Feminino 2022.
Buscando …

11 horas atrás
Branded

ZKitchen SJC: cozinha compartilhada é tendência no Brasil; conheça

Tendência em diversas partes do Brasil, o conceito de cozinha compartilhada chegou em São José dos Campos. A ZKitchen, inaugurada …

1 dia atrás
Cidades, Mais Destaques

Defesa Civil emite alerta de baixas temperaturas no Vale do Paraíba

A Defesa Civil do Estado de São Paulo emitiu um alerta para as baixas temperaturas na Região Metropolitana do Vale …

1 dia atrás
Cidades, Destaque

Governo de SP entrega hoje três estradas recuperadas e modernizadas no Vale

O Governo do estado de São Paulo vai entregar, nesta quarta-feira (10), três estradas recuperadas e modernizadas pelo DER (Departamento de …

1 dia atrás