Categoria: Turismo

Turismo volta a aquecer e deve gerar 81,7 mil vagas na alta temporada

CNC projeta faturamento de R$ 171,9 bilhões pelo setor

Ana Cristina Campos – Repórter da Agência Brasil - Rio de Janeiro Publicado em 10/11/2021, às 14:03 • Atualizado em 10/11/21, às 14:07




Turismo volta a aquecer e deve gerar 81,7 mil vagas na alta temporadaFoto: Tomaz Silva/Agência Brasil

A flexibilização das medidas de isolamento social, resultante do avanço da vacinação contra a covid-19, tem reaquecido o ritmo de atividade dos serviços turísticos. A expectativa é que o segmento contrate 478,1 mil trabalhadores formais entre novembro de 2021 e fevereiro de 2022. Desse total, 81,7 mil serão voltados, especificamente, para atender à demanda da alta temporada, com vagas temporárias, segundo pesquisa realizada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

De acordo com o Índice de Atividades Turísticas, apurado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o volume de receitas do setor avançou 49,1% desde o fim da segunda onda da pandemia no Brasil. E, embora ainda esteja 20,7% abaixo do nível registrado antes do início da crise sanitária, é o melhor resultado desde fevereiro de 2020.

Com a permanência desse cenário, a CNC projeta que as atividades turísticas faturem R$ 171,9 bilhões ao longo da próxima alta temporada o que contribuiria para levar o nível de volume de receitas ao patamar registrado imediatamente antes do início da pandemia a partir de maio de 2022.

Segundo o presidente da CNC, José Roberto Tadros, um sinal de reativação parcial das atividades é o comportamento de preços setoriais.

“Embora, durante a primeira onda da pandemia de covid-19, os serviços turísticos tenham ficado mais baratos, apresentando reduções de 6,3% nas diárias de hotéis e pousadas e de 28,5% nas passagens aéreas, por exemplo, nos últimos meses, a retomada da demanda e, principalmente, a evolução de tarifas, como a energia elétrica, vêm pressionando praticamente todos os preços da economia”, avaliou.

De acordo com a entidade, apenas em 2021, a energia elétrica acumulou alta de 24,97% e os gastos com energia representam, em média, 19% dos custos nos serviços de hospedagem e 15% em bares e restaurantes

“Ainda assim, de março de 2020 a outubro de 2021, a variação média dos preços dos serviços turísticos (+7,8%) se deu abaixo da inflação medida pelo IPCA-15 (+11,8%) e alguns serviços típicos do setor ainda apresentaram preços inferiores aos praticados antes do início da crise sanitária, como hospedagem (-5,7%), transporte por aplicativo (-6,7%) e passagens rodoviárias intermunicipais (-10,7%)”, informou a CNC.

Avanço na vacinação

O estudo também aponta que os impactos positivos da flexibilização vêm sendo percebidos na geração de postos de trabalho formal nas atividades turísticas. Em 2020, quando o setor apresentou retração de 36% no volume de receitas, a diferença entre o número de admissões (897,51 mil) e desligamentos (1,13 milhão) produziu um saldo negativo anual de 238,68 mil vagas, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Entre janeiro e setembro de 2021, antes do início do período de contratações para a alta temporada, as empresas já haviam registrado um saldo positivo de 167,53 mil postos formais. A maior parte dessas vagas (126,8 mil) foi gerada a partir de maio, com o avanço da vacinação.

O economista da CNC responsável pela pesquisa, Fabio Bentes, analisa que, tradicionalmente, o segmento que mais oferece oportunidades temporárias nessa época do ano é o de bares e restaurantes.

“Para a temporada iniciada este ano, o ramo deverá responder por 77,5% ou 63,4 mil vagas. Outro ramo que costuma se destacar é o de hospedagem, que, historicamente, oferece durante o período a quase totalidade (97,2%) das suas vagas temporárias ao longo de doze meses. Para a alta temporada 2021/2022, esse segmento deverá responder por 13,8% (11,2 mil) do total de empregos criados no turismo”.

Em relação às ocupações, os principais profissionais demandados pelo setor ao longo da próxima alta temporada deverão ser recepcionistas (14,49 mil vagas); cozinheiros e auxiliares (8,09 mil); camareiros (7,30 mil); garçons e auxiliares (4,76 mil); e auxiliares de lavanderia (7,76 mil). A expectativa é que São Paulo (23,49 mil vagas), Rio de Janeiro (10,34 mil) e Minas Gerais (7,43 mil) ofereçam metade do total de vagas.



Acompanhe nossas notícias de forma mais rápida em seu celular pelo Google News. Clique aqui e siga a SP Rio +.

Publicidade

Deixe seu comentário:
Os comentários não representam a opinião da SP Rio +. A responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas noticias
Cidades, Turismo

Começa hoje a Edição Pedra do Baú do Raid Campos do Jordão

Foto: Vera Lambiasi/Divulgação
O Raid Campos do Jordão – Edição Pedra do Baú, 105º raid organizado pelo MG Club do Brasil, …

2 horas atrás
Economia

Boletim Braúna Investimentos – Edição 03/12/2021

O Assessor de investimentos, Thales Manetti traz dicas importantes sobre o mercado financeiro nesta sexta-feira (3), através do boletim Braúna …

3 horas atrás
Cidades, Saúde

Profissionais da saúde realizam vacinação na Praça da Bíblia nesta sexta-feira em São Sebastião

Foto: Divulgação
A Prefeitura de São Sebastião, junto à Secretaria de Saúde (Sesau) realiza nesta sexta-feira (3), uma ação de aplicação …

4 horas atrás
Cidades, Mais Destaques

Caraguatatuba recebe sede da Força Tática da Polícia Militar

Foto: PMC
A Prefeitura de Caraguatatuba inaugurou nesta quinta-feira (2) a sede da Força Tática da Polícia Militar, que vai atender …

5 horas atrás
Esporte

Taubaté Futsal conhece datas e horários da final da Liga Paulista

Foto: Divulgação/Taubaté Futsal
O Taubaté Futsal conheceu nesta quinta-feira (2) as datas e os horários da final da Liga Paulista contra …

7 horas atrás
Cidades, Destaque

Ônibus do transporte coletivo voltam a circular em São José após greve nesta sexta-feira

Foto: Charles de Moura/PMSJC
Após amanhecerem em greve, os ônibus do transporte coletivo de São José dos Campos voltaram a funcionar …

7 horas atrás
Cidades, Mais Destaques

Transporte coletivo de São José dos Campos amanhece em greve nesta sexta-feira

Foto: Divulgação
Os ônibus do transporte coletivo de São José dos Campos amanheceram de greve nesta sexta-feira (3), por direitos trabalhistas.
Em …

8 horas atrás
Esporte

Vôlei São José inicia troca de ingressos para o jogo contra o Montes Claros pela Superliga Nacional

Foto: Divulgação/FC Vôlei
Foi aberto, nesta quinta-feira (2), a troca de ingressos para o jogo do Vôlei São José contra o …

1 dia atrás
Cidades, Destaque

Funcionários do transporte coletivo de Jacareí voltam ao trabalho após paralisação

Foto: Divulgação/JTU
Depois de 24 horas de paralisação, os funcionários do transporte coletivo de Jacareí voltaram ao trabalho, na manhã desta …

1 dia atrás
Esporte

Grupo de direitos humanos critica atuação do COI no caso Peng Shuai

Foto: Reuters/Toby Melville
O Comitê Olímpico Internacional (COI) agiu de forma irresponsável no que diz respeito à tenista chinesa Peng Shuai, …

2 dias atrás